A primeira temporada de Round 6 recebeu um desfecho misterioso, que dividiu o público. Quer você tenha gostado ou odiado a escolha dos roteiristas, vale a notícia: o diretor revelou um final alternativo para a série.

Hwang Dong-hyuk, diretor e criador, disse em entrevista ao EW que Gi-hun, o protagonista, teria um destino diferente do que foi mostrado na série. “Na verdade, lutamos entre dois cenários diferentes para o final”.

Aviso: os seguintes trechos possuem spoilers da primeira temporada de Round 6

“Havia um outro final alternativo, em que Gi-hun entraria no avião e iria embora. E então, claro, aquele em que ele voltaria e andaria em direção à câmera [que foi a versão final escolhida]”.

“Nos perguntávamos: é mesmo certo que Gi-hun tome a decisão de partir e ir ver a família, em busca de sua própria felicidade? É essa a maneira certa de realmente propormos a pergunta ou a mensagem que queríamos transmitir através da série?”.

Durante o desenvolvimento, Dong-hyuk decidiu o final em que o protagonista não entra no avião por conta do significado — o que também dá uma abertura para uma continuação, que foi confirmada.

“A questão que queremos responder — por que o mundo chegou àquilo que é agora? — só pode ser respondida ou só pode ser proposta se Gi-hun voltasse e caminhasse em direção à câmera”.

Round 6 / Squid Game
Diretor Hwang Dong-hyuk orientando os atores durante filmagens de Round 6. Imagem: Netflix

Sobre uma continuação, a Netflix ainda não confirmou os rumores — apesar de o criador ter dito que está trabalhando num novo capítulo durante um evento.

O diretor afirmou que tem “o enredo básico na cabeça” na mesma entrevista. “No momento, estou no processo de brainstorming dos detalhes, mas nada foi concretizado em relação a não termos uma segunda temporada fixa com a Netflix ou como ela vai acabar. Então, direi apenas que tenho um enredo básico na minha cabeça”.

A história gira em torno de pessoas endividadas que, após receberem um convite misterioso, participam de um jogo com temáticas infantis em busca de um enorme prêmio em dinheiro. O problema é que só um sai vivo com a bolada.

Assine a newsletter do Gizmodo

Round 6 foi assistido em mais de 111 milhões de casas. O número ultrapassa e muito o recorde anterior, de Bridgerton, que foi vista por 82 milhões de usuários. Estima-se que a série coreana rendeu US$ 900 milhões em valor para a empresa.

A primeira (e única, até agora) temporada de Round 6 está disponível na Netflix.