A Microsoft está investigando um problema em sistemas Windows que apresentam erros de autenticação. As falhas começaram após a liberação das atualizações do Patch Tuesday, na última semana.

Segundo o site Bleeping Computer, o problema afeta todas as versões do Windows, incluindo as mais recentes, como o Windows 11 e o Windows Server 2022. Administradores estão recebendo mensagens de erro como “falha na autenticação devido a uma incompatibilidade de credenciais do usuário. O nome de usuário fornecido não é mapeado para uma conta existente ou a senha estava incorreta”.

A empresa explica que as falhas ocorrem apenas em sistemas utilizados em servidores usados como controladores de domínio. “Depois de instalar as atualizações lançadas em 10 de maio de 2022 em seus controladores de domínio, você pode ver falhas de autenticação no servidor ou cliente para serviços como Servidor de Políticas de Rede (NPS), Serviço de Roteamento e Acesso Remoto (RRAS), Radius, Extensible Authentication Protocol (EAP) e o Protected Extensible Authentication Protocol (PEAP)”, diz a Microsoft.

Microsoft sugere solução

A Microsoft promete liberar em breve uma nova atualização para correção da falha ou, pelo menos, durante as próximas atualizações do Patch Tuesday, em junho. Enquanto isso, a empresa recomenda mapear manualmente os certificados para uma conta de máquina no Active Directory.

Porém, um administrador do Windows afirmou ao Bleeping Computer que a única maneira de contornar a falha e permitir a autenticação de usuários foi desabilitando a chave de registro StrongCertificateBindingEnforcement, definindo-a como 0. Essa chave de registro é utilizada para alterar o modo de imposição do Kerberos Distribution Center (KDC) da empresa para o modo de compatibilidade.

Vale lembrar que, em novembro passado, a Microsoft já tinha enfrentado outro problema de falhas de autenticação no Windows Server após liberar uma rodada de atualizações de segurança.