Lara Croft, de Tomb Raider, fez 25 anos neste mês. A franquia se tornou um sucesso ao apresentar as aventuras de Lara viajando pelo mundo, derrotando inimigos e em busca de tesouros perdidos.

Tomb Raider foi um sucesso de vendas e se tornou uma referência nos games ao mostrar uma aventura à la Indiana Jones  protagonizada por uma mulher.

A caçadora de relíquias recebeu diversas continuações e adaptações para os filmes em que foi interpretada por Angelina Jolie, em 2001, e Alicia Vikander no longa mais recente.

A franquia possui 21 jogos já feitos que vão desde consoles, PC e até para smartphones. Para homenagear uma das heroínas mais icônicas dos games, separamos os dez melhores jogos, segundo a crítica, para quem quer conhecer um pouco mais a história da aventureira.

Para avaliar, utilizamos a pontuação segundo o Metacritic, site agregador de críticas e com as notas calcula uma média aritmética.

10º Tomb Raider III (1998) – 76/100

Imagem: Square Enix

O terceiro jogo da franquia clássica traz uma premissa mais ousada ao fazer Lara sair em busca de poderosos artefatos que estão espalhados pelos quatro cantos do planeta. Para isso ela viaja desde a Índia, Antártida até a famosa Área 51.

9º Tomb Raider: Underworld (2008) – 80/100

Imagem: Square Enix

No universo da franquia, a mãe da protagonista morreu apesar de existir diferentes história sobre a causa. No de 2008, Croft irá viajar pelos lugares mais extremos para ir encontrar o martelo de Thor para saber respostas sobre o paradeiro da mãe.

8º e 7º Tomb Raider: Legend (2006) e Shadow of the Tomb Raider (2018) – 82/100

Tomb Raider: Legend / Shadow of the Tomb Raider
À esquerda Tomb Raider: Legend e Shadow of the Tomb Raider à direita. Imagem: Square Enix

Ambos os jogos ficam empatados por terem 82 pontos da crítica especializada.

No game lançado em 2018, Lara deve dominar uma selva mortal, superar tumbas aterrorizantes. Enquanto ela corre para salvar o mundo de um apocalipse maia, Ela é forjada ao que está destinada a ser.

Em Legends, Lara resolve desvendar os mistérios acerca da espada Excalibur, que estaria relacionado ao desaparecimento de sua mãe quando era criança.

6º Tomb Raider: Anniversary (2007) – 83/100

Imagem: Square Enix

A refilmagem do primeiro jogo de 1996, trouxe uma nova roupagem com novos gráficos e jogabilidade mais desafiadora condizente com o ano que foi lançado.

Com 83 pontos da crítica especializada, na história a heroína precisa recuperar o lendário Scion, um tesouro que concede um vasto poder para quem possuir.

5º Lara Croft Go (2016) – 84/100

Imagem: Square Enix

Um dos mais inusitados na lista, o jogo criado para celular está entre os mais bem avaliados. Apesar de não ser um sucesso de público, a crítica elogiou o jogo afirmando que conseguiu captar a essência da franquia. O IGN americano diz que “tem todo o coração e espírito do Tomb Raider clássico num pacote de jogo de puzzle miniatura”. Para os interessados, ele também está disponível no Steam.

4º Tomb Raider II (1997) – 85/100

Imagem: Square Enix

O segundo jogo está entre o top 5 com 85 pontos.

Nessa aventura, Lara precisa viajar nas montanhas do Tibete, nos canais de Veneza e ao fundo do mar para encontrar a Adaga de Xian. Porém, ela não é a única em busca do objeto.

3º Tomb Raider (2013) – 87/100

Imagem: Square Enix

Em 2013, a Square Enix decidiu fazer um reboot (quando reinicia a narrativa) da série, que resultou em uma boa avaliação com 87 pontos dos jornalistas e 8.3 dos jogadores.

A história se passa em Yamatai, ilha onde a protagonista e os seus amigos naufragaram. Ela precisa salvá-los, além de ter que lutar contra os inimigos e os perigos naturais.

Ao invés da ação e luta, a versão de 2013 conta com elementos de sobrevivência e exploração para emergir na história de origem da Lara Croft até se tornar quem a conhecemos.

2º Rise Of The Tomb Raider (2015) – 88/100

Imagem: Square Enix

Na vice liderança, o game é uma continuação do reboot lançado em 2013. Rise of Tomb Raider possui 88 pontos da crítica especializada e 8.0 dos usuários. Na história, Lara viaja até a Sibéria onde tenta encontrar a tumba de Koschei o Imortal.

Assine a newsletter do Gizmodo

1º Tomb Raider: Atlantean Scion (1996) – 91/100

Imagem: Square Enix

Um clássico que deu início a franquia. O site captou apenas 13 críticas de portais que avaliaram entre 80 à 100 na nota no primeiro jogo enquanto o público deu a nota 8.4.

Na história de estreia, a heroína precisa recuperar  Scion, um tesouro que concede um vasto poder para quem o possuir. Para isso, será preciso explorar desde as ruínas incas, Roma Antiga, as pirâmides egípcias e a Cidade Perdida de Atlântida.