Poucos meses após o lançamento do SUV elétrico bZ4X, a Toyota anúnciou, na última quinta-feira (23), um recall de 2.700 veículos. Desse total, 2.000 foram destinados ao mercado europeu, 260 estão nos EUA, 110 no Japão e outros 20 no Canadá.

O problema que motivou a decisão envolve um parafuso frouxo no cubo da roda. Ele pode se soltar enquanto o carro está em movimento e deixar a peça “sambando”.

Por conta disso, a montadora japonesa alerta os proprietários a não dirigirem o utilitário até que o problema seja resolvido. Um bZ4X novo costuma ser vendido por um valor próximo 50 mil euros — ou R$ 270 mil.

A empresa alerta uma roda solta pode causar na perda do controle do veículo, aumentando consideravelmente o risco de um acidente, especialmente em altas velocidades. A causa da falha ainda está sendo investigada.

Ainda não há informações sobre quando os engenheiros da Toyota poderão ter uma solução para o problema.

Assine a newsletter do Gizmodo

O novo recall amplia a onda recente de problemas envolvendo carros elétricos. Recentemente, a Ford convocou um recall de 49 mil SUVs Mustang Mach-E, mas frisou que as correções podiam ser feitas por uma atualização remota.

Os veículos da Tesla também entraram no radar de autoridades nas últimas semanas. Primeiro, surgiram diversas reclamações sobre falhas nos freios — foram 758 relatos de acionamentos inesperados. Já o último defeito envolve o piloto automático. Novos incidentes, inclusive, fizeram autoridades dos EUA começar a investigar a tecnologia em quatro modelos da empresa de Elon Musk.