Tenho algo a confessar: eu amo o Nexus 5. Apesar de todas suas desvantagens em relação a modelos mais novos (muitos dos quais já testei), para mim o Nexus 5 tem alguma qualidade intangível que nenhum outro celular conseguiu copiar.

Mas agora, temos o Nexus 5X.

O Nexus 5X é uma versão atualizada do computador de bolso que eu amo desde 2013, um modelo criado para pessoas que, assim como eu, ainda são loucas por esse celular do Google. A LG, empresa que fez o Nexus 5, quer que eu diga adeus para meu velho amigo e siga em frente. Em outras palavras, eles querem que eu supere o Nexus 5, e o pior é que eu acho que está funcionando.

Nexus 5X review (1)

O Googlephone dos sonhos?

Os modelos Nexus sempre tinham alguma vantagem clara em relação a seus concorrentes. Para começar, eles são produzidos em parceria com o Google, o que explica a harmonia perfeita entre hardware e software (incluindo todas as atualizações Android mais recentes). O Nexus 5X e seu irmão mais velho, o Nexus 6P, não fogem à essa regra. Além disso, o 5X também oferece uma nova opção de operadora, o Project Fi do Google.

O 5X foi criado para fazer duas coisas: rodar o novo Android Marshmallow perfeitamente, e trazer o Nexus de volta ao seu posto de smartphone acessível e de boa qualidade. Na época de seu lançamento, em 2013, o Nexus marcou tendência. O celular tinha um design simples, revestimento de plástico fosco com acabamento suave, tamanho ergonômico (para os padrões atuais), uma tela de 5 polegadas, e, é claro, o melhor software Android da época.

Embora o Nexus 5 tenha sido um produto inovador há dois anos, o 5X é só mais um número numa lista de dezenas de lançamentos. Para sobreviver nesse mercado, é preciso oferecer muito mais do que um precinho camarada.

Abaixo, listamos as vantagens e desvantagens desse novo modelo.

Barato no visual, premium na prática

Manter o legado do Nexus 5 é um grande desafio, e, salvo alguns probleminhas, a LG e o Google fizeram um bom trabalho.

Já no primeiro olhar, fica claro que o Nexus 5X não pertence ao território dos smartphones “premium”, aquele mundo caro de vidro, alumínio e telas cheias de pixels (se é isso que você procura, talvez o 6P seja mais a sua cara). Mas o 5X não está tentando competir com esses aparelhos, ainda mais considerando que ele custa a metade do preço. Na verdade, o 5X é um concorrente direto do OnePlus 2 e do Asus Zenfone.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O revestimento do celular é todo de plástico; nada de policarbonato com toque suave, só plástico. O 5X tem uma divisão bem clara entre a capa de trás e a a capa da frente (visível na foto acima), o que torna difícil controlar o impulso de puxar a parte de trás para trocar a bateria ou colocar um cartão SD. Mas NÃO FAÇA ISSO. Se você der uma de Hulk, acabará destruindo seu Nexus novinho em folha. Deixe a bateria em paz (ela não é removível) e o armazenamento também (ele não é expansível).

A parte traseira traz o símbolo do Nexus e dois círculos no topo. O primeiro círculo é o novo sensor de digitais do Nexus, criado para aproveitar as novas funções de segurança biométrica do sistema Android. O segundo círculo é uma câmera de 12,3 MP que faz a câmera do Nexus 5 parecer uma sucata.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Na parte da frente, temos uma tela de LCD maravilhosamente compacta de 5,2 polegadas, que mantém uma das minhas características favoritas do Nexus 5: ele pode ser usado confortavelmente com uma só mão. Às vezes, os clássicos têm suas vantagens. A tela tem 423 ppi em densidade de pixels; razoável, mas que não impressiona ninguém.

É claro que, comparada às telas QHD, a tela do 5X perde em questão de definição e riqueza de cor (eu prefiro as telas AMOLED, por causa da profundidade das cores e pela economia de bateria), mas eu não tive nenhum problema com ela. Netflix, visualização de fotos, vídeos, jogos – nenhum problema. A tela e o processador hexa-core Snapdragon 808 deram conta do recado, só travando por alguns segundos durante momentos de muita atividade.

Até agora só falamos sobre as vantagens do 5X, mas a traseira de plástico não esconde o fato de que esse é, essencialmente, um celular barato. Isso não fica visível apenas no material; enquanto o Nexus 5 tinha um ótimo acabamento emborrachado, o plástico do 5X parece mais barato.

Mas o que mais me incomoda é o motor de vibração do modelo. Quase todos os celulares já aperfeiçoaram a arte sutil da resposta tátil, mas o 5X passa longe de qualquer sutileza. A vibração do celular é forte demais, o que o torna mais barulhento do que necessário. Em nosso dia a dia movimentado e barulhento, esse defeito não é muito perceptível, mas no silência da sua casa, o barulho incomoda. Depois de alguns dias de irritação, eu desliguei a vibração do celular.

Como é usar o 5X?

O Nexus 5X é ao mesmo tempo ótimo e frustrante (mais ótimo que frustrante). Deixe-me explicar.

Quando comecei a testar o Nexus 5X, demorei alguns dias para me acostumar com o novo Android Marshmallow. Foi uma experiência estranha. Embora o sistema operacional parecesse muito familiar, eu podia fazer coisas que nunca pude fazer num Android.

As principais mudanças foram as permissões de aplicativos e o Nexus Imprint. Enquanto eu repetia o já conhecido processo de baixar, abrir e digitar meus dados em todos os apps do meu novo Nexus 5X, o sistema me ofereceu a possibilidade de dar uma permissão específica para alguns apps. Se eu gostaria que o Evernote soubesse minha localização? Hmmmmm, NÃO. Eu esperei ansiosamente por esse dia desde que abandonei meu iPhone.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Mas o sensor de impressões digitais é outra história. Quando eu soube que os novos Nexus teriam um sensor de digitais na parte de trás, eu resmunguei, descontente. Nem sempre eu tiro o celular da mesa para usá-lo, mas para desbloqueá-lo com a digital, issos seria obrigatório (ao contrário do iPhone ou Galaxy S6). Na realidade, a nova função não é tão ruim — mas a primeira tentativa de biometria do Android está longe de me impressionar.

A tecnologia não é exatamente ruim; ele só não é tão boa. A primeira coisa que você deve saber, e que me deixou confuso por algum tempo, é que desbloquear seu celular com sua digital requer um pouco de esforço. Você deve pressionar seu dedo com firmeza. Se você não fixar seu dedo da forma correta, o Nexus 5X responde com “O dedo se moveu rápido demais. Por favor, tente novamente” ou simplesmente “Digital não reconhecida.”

O sensor melhora com o tempo, eu juro, mas ele ainda é inconsistente se comparado aos sensores do iPhone 6s ou do Galaxy S6, que desbloqueiam o celular com apenas um toque. Além disso, talvez eu segure meu celular do jeito errado, mas eu sempre colocava meus dedos sobre a lente da câmera ao invés do sensor de digitais. Cada pessoa tem a mão diferente, então talvez esse seja um problema pessoal.

A outra novidade na parte física do celular é a entrada USB Type-C. Essa mudança é, em todos os aspectos, um avanço. Menos tempo para carregar! Transferência de dados mais rápida! Cabos reversíveis! Mas por tudo que é mais sagrado, nunca viaje para longe e esqueça o carregador — se isso acontecer, você estará ferrado. Como eu sei disso? Porque foi exatamente isso que eu fiz, e quando fui tentar comprar um novo carregador, tudo que encontrei foi uma série de olhares confusos vindos dos vendedores.

Esse é um dos males dos produtos de vanguarda — mas que será resolvido com o tempo. Eu estou tão acostumado à onipresença dos cabos microUSB que nunca me preocupo em levar um na mala quando viajo. Mas esse não é um problema do celular, o único problema aqui foi a minha burrice.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Quanto à durabilidade da bateria, nada mal. O novo Android Sensor Hub permite que você toque para ativar a tela de bloqueio que economiza energia, e a nova função Doze prolonga ainda mais a autonomia, colocando o celular em algo parecido com o modo avião quando ele não está sendo utilizado. É uma economia dupla. Eu consegui usar o celular durante 24 horas de uso médio a intenso, sem grandes problemas.

O carregador USB Type-C não irá mudar sua vida imediatamente, e obter 4 horas de bateria depois de carregá-la por 10 minutos – o que o Google afirma ser possível – é um exagero, a não ser que você use vários truques de economia de bateria. Mas para ser honesto, conectar um cabo reversível sem ter que desvendar qual é o lado certo foi uma experiência incrível.

Mas o que faz o 5X ofuscar o Nexus 5, e todos os outros celulares na faixa do US$ 400, é sua câmera. Pressionando duas vezes o botão liga/desliga, entramos no app de câmera do Google. As fotos são vívidas e iluminadas, mas os detalhes ficam um pouco distorcidos quando ampliados. Uma das razões pode ser a compressão de dados, que talvez deixe alguns desses detalhes um pouco artificiais.

A câmera não é boa o suficiente para desbancar o LG G4 ou o Galaxy S6, mas se você estiver interessado em fotos bonitas para compartilhar com seus amigos (ou no Instagram), o 5X é uma boa opção. Além disso, uma captura de 4K (a 30fps) em um aparelho nessa faixa de preço é apenas a cereja no topo do bolo.

Alguns exemplos da qualidade da câmera em diferentes condições de luz:

Nexus 5X review (6) Nexus 5X review (7) Nexus 5X review (8) Nexus 5X review (9) Nexus 5X review (10)

O 5X é o novo Nexus 5?

Eu não diria isso, mas o 5X é um ótimo celular. O Nexus 5 foi um lançamento importante numa época em que os smartphones estavam chegando na faixa dos US$ 1.000. Ele nos mostrou (pelo menos nos EUA) que não era necessário pagar caro por um smartphone bom. Mas não estamos mais em 2013, e hoje o Nexus 5X é apenas mais um entre muitos.

Se você está procurando desesperadamente por um substituto para seu amado Nexus 5, ou se você só estiver a fim de comprar um bom celular, o Nexus 5X é uma ótima opção — junto ao Moto X Play e o OnePlus 2. Se você quiser algo com um design um pouco mais sofisticado, por US$ 130 a mais você pode comprar o Nexus 6P, outro excelente lançamento.

No final, o Nexus 5X é como confundir um desconhecido com um amigo próximo — eles podem ser parecidos, mas estão longe de ser a mesma pessoa.

Especificações – Nexus 5X:

Sistema operacional: Android 6.0 (Marshmallow)
Processador: Snapdragon 808 / Adreno 418 GPU
Tela: 5,2 polegadas 1920×1080 LCD (423 PPI)
RAM: 2 GB
Armazenamento: 32 GB
Câmera: traseira de 12,3 megapixels (f/2.0, 4k a 30fps) / frontal de 5 megapixels
Bateria: 2.700 mAh
Dimensões: 147 x 76,2 x 7,9 mm
Peso: 136 gramas
Preço: a partir de US$ 370
Outras informações: não pode ser carregado via wireless, LTE cat. 6, apenas um alto-falante frontal (o de cima serve apenas para ligações), LED de notificação embutido no alto-falante de baixo

Fotos por Michael Hession